18/10
2013
#FF: Lorenzo Liverani
Categoria(s) #causos, #FollowFriday, #Inspirações, Moda
Ana Farias

Sabem aqueles posts semanais que a Marina faz com colírios masculinos (colírios, gente, eu só me afundo nas gírias de vó)? O #FF de hoje vai pra um carinha que deveria ganhar todos os nossos votos: bonitão, charme pra dar e vender, super estiloso. Este é o italiano Lorenzo Liverani, do blog Your Mirror Style.

Descobri o guapo faz pouco tempo, mas passo HORAS fuçando os posts dele. O cara tem um bom gosto incrível, é raro uma look que eu olhe e pense nããããã. Na verdade ele tem um modo bem simples de se vestir: são sempre versões das mesmas peças, usando principalmente sobreposições pra looks mais sofisticados, e artifícios inesperados nos looks mais esportivos (estampas, echarpes, sapatos diferentes). O que dá o tchans é o olhar pessoal dele na hora de combinar tudo de forma casual e chique.

lorenzo liverani

Aliás, posso fazer parênteses de tia babona? Fui babá do meu sobrinho (6 anos) no final de semana passado, e fiquei brincando de bonecão, né, vesti ele tipo mini blogger pra gente sair. E sempre falava pra ele acrescentar algo “desconfortável” pra fazer um “look completo”: mochila de enfeite segurada só de um lado do ombro (“tia Paula, isso é muito difícil pra crianças, sabia?”), moletom do Batman amarrado na cintura, enfim, expliquei pra ele o que era um look, disse que ele tava muito gato (“é, eu sei, eu tô vendo ali no espelho”). Daí um dia a gente tava saindo de casa e tinha uns meninos mais velhos do que ele brincando. Ele foi se chegando, se apresentou, ficou puxando papo. Daqui a pouco só ouço ele falando “eu tô com um look completo”. O menino olhou pra ele confuso e disse “o que que é isso?” (deve ter achado que era doença). E meu sobrinho: “look é roupa”. kkkkk <3

Mas voltando pro gato Lorenzo, que quase me faz desejar ter vinte anos a menos (bom, isso e talvez ser um homem também – porque os italianos, especialmente os do norte, são beeeeem estilosos e vaidosos, independente de gostar de meninos ou de meninas). Separei alguns looks dele pra vocês mostrarem aí pros seus bofes (e também pra pelo menos um leitor homem que descobri que tenho por minha amiga Cla Guedes! rs). No Lorenzo eles podem se inspirar sem medo de levantar dúvidas a respeito de masculinidade (a próxima fronteira da indústria da moda é convencer os meninos que é ok usar rosa? Meu irmão usa e fica gaaaato…).

Dividi em quatro blocos de inspiração, os dois primeiros pensando no final de semana (despojado e casual), os dois seguintes em situações de trabalho (contemporâneo e clássico):

moda para homens - look despojado

Um mix de estampa aqui, um sapato colorido acolá, floral, cores intensas, tons pastel, e a marca registrada do moço: óculos escuros. Como não amar? Reparem na seleção de sapatos dele, acho tendência! 😉 Como alguém pode ficar tão bem arrumado usando apenas três peças de roupa e óculos, gente?

moda para homens - look  casual

Aqui outros exemplos pra saídas, sendo que dependendo do trabalho dá pra usar também, né? E são combinações bacanas pra faculdade, caso o gato goste de ir mais arrumadinho, sem parecer um Maurício. Notem que sapato com meia é artigo raro com ele, mas eu sugeriria um bom desodorante aerosol antes, porque né, ninguém merece o perfume no final do dia.

moda para homens - look despretensioso

Agora uma casualidade mais arrumadinha, com ideias boas pra quem trabalha em ambientes informais. Imaginaram um arquiteto pra vocês? Sempre, né? Amei o casaco cinza da última foto – sendo opcional a gravata borboleta, viu? Isso é só pra quem segura. Detalhe pra invejar muito: a quantidade de óculos escuros que esse homem tem!

moda para homens - look  clássico

Pra terminar, looks mais formais, pra trabalhar ou pra compromissos especiais. Uma peça entre a camisa e o blazer, e vejam a diferença que faz!

Gostaram? Tem como não? E a carinha de pidão confiante no próprio taco que faz a gente fazer besteira em nove de cada dez encontros com boys magia do tipo? Aiaiai.

Pra seguir no Lookbook.nu, no Facebook e no Instagram.



20 comentários
27/08
2013
Dicas de compras (de banho!) na Itália
Categoria(s) #Itália, Achados, Banho, Cabelos, Fragrâncias, Viagem
Ana Farias

Hoje tava precisando levantar o astral, e resolvi escolher alguns produtos de banho na caixa italiana (quase um ano depois da viagem e ainda não usei praticamente nada).

Uma coisa que eu gostei demais por lá é que a gente não precisa de muito dinheiro pra ser feliz. Tudo bem que comprei MUITO mais do que podia na época, fiz compras sabendo que quando chegasse aqui pagaria com juros o cartão de crédito, mas como sabia que não repetiria a dose, valeu cada centavo do meu dinheiro suado.

Digo isso porque não é necessário chegar lá querendo grife pra ser feliz, se essa não for a sua realidade. Em qualquer super mercado você encontra MUITA coisa boa por alguns poucos euros, e volta pra casa se sentindo rica. Bom, até a soma dos euros se transformar em conversão no dia de pagar a fatura.

Pra maquiagem, nos supermercados tem seções inteiras recheadas de produtos, e em muitos deles é possível encontrar as novidades de marcas como Maybelline, Revlon, etc. Nas lojas de departamentos, procure Essence, e nas perfumarias duas boas opções são a Pupa e a Deborah Milano. E nem preciso falar que não entrar na Kiko e fazer a festa é praticamente sacrilégio!

Tendo a chance de visitar algum outlet, procure por lojas próprias da Kiko e da Pupa, pois é possível encontrar umas promos bem bacanas. Fora a vantagem de ter várias outras lojas de delícias pro corpo por perto – de espuma de banho à sorvete Lindt! rs

 

2013-08-27-12-33-18_deco

Da Pupa, por exemplo, além de make trouxe algumas coisas bacanas de banho, como sabonetes cherosíssimos, dois por um euro (tinha comprado alguns numa farmácia por dois euros e pouco, pra presentear minhas tias, me arrependi!). Ao lado acabei conhecendo outra loja muito boa: a Bottega Verde, que tem tudo pra corpo e cabelo, nas fragrâncias mais deliciosas que você puder imaginar.

Pra corpo, minha dica é: antes de passar na Sephora e se apaixonar por coisas bem mais caras, dê uma olhada no supermercado. Nesse ponto sou pela quantidade (ou pela economia, se vocês preferirem), já que a gente encontra coisas ótimas por preço menor. Ou compra mais, ou compra igual – só que por menos.

2013-08-27-10-32-45_deco

1. Shampoo Purificante Garnier Ultra Dolce: Garnier, Dove, Elseve (acho que lá é Elvive), essas marcas que a gente conhece e nem sempre dá muita bola, possuem linhas inacreditáveis de lindas fora do Brasil. Essa Ultra Doce eu recomendo de olhos fechados, boa e mais cheirosa não há. Trouxe dois diferentes.

2. Creme de cabelo Brazil, Bottega Verde: disciplinante, tem óleo de castanha do pará e queratina. Na loja tem zilhões de linhas inspiradas em tudo que é lugar fantástico do mundo, e qual a pessoa escolhe pra trazer pro Brasil? hahaha Mas foi pelo cheirinho de coco, tão bom.

3. Espuma pra banho Bottega Verde: dei sorte numa promo, eram três embalagens grandes de sabonete líquido por dois ou três euros, não lembro. Trouxe o pacote que vinha com fragrâncias de framboesa (o da foto), de laranja e de amora. Faz uma espuma doida, nossa, devia ter trazido mais seis de cada!

2013-08-27-13-16-02_deco

4. Hidratante Corporal I Love… Calypso Dreams: a I Love Cosmetics é americana, encontrei em algumas perfumarias. As combinações de fragrâncias são mara, naquele estilo Body Shop de ser. Foi um pouco mais caro, acho que uns 5 euros. O cheiro desse é sensacional, coquetel de frutas com maracujá, pêssego, e toque cítrico. Devia ter trazido o sabonete dele também!

5. Latte+Tonico 2in1 Illuminante Clinians: esse produto da Clinians eu encontrei numa farmácia e achei meio doido, mas resumindo é uma mistura de leite de limpeza com tônico facial. No início eu não gostei, porque você aplica no rosto, massageia, depois vem com uma toalha úmida ou algodão e retira o excesso. Achei que o rosto ficou pegajoso, e que cairia melhor em peles secas. Mas fui fazer outras coisas e quando vi o rosto tava sequinho e macio.

6. EDT Capri Villa, H&M: ah, essa vida de rica! Ah, peraí, o perfume evaporou… rs Enfim, cheira de rica vestida de caftan comprando artesanato local na costa do mar Tirreno. Não dura muito na pele, mas é baratinho como tudo na H&M, e a variedade de fragrâncias é boa – dáum presentinho bacana pras amigas, por volta de 4, 6 euros. E a H&M também tem uma seção de banho delicinha!



8 comentários
23/02
2013
@Milão: desfile Fendi Inverno 2014
Categoria(s) #Itália, MakeUp, Moda
Ana Farias

A Sheyla Montella foi no desfile da Fendi na Semana de Moda de Milão, e tenho certeza de que se sentiu rica (né, Sheyla?). A marca é uma das mais luxuosas na minha opinião.

Ela contou que o ambiente era chiquérrimo, os lugares onde os convidados se sentavam lindos, tudo combinando com a passarela. E na entrada cada um recebia um folder contendo alguns croquis da coleção. Algo!

desfile fendi inverno 2013

A Sheyla achou a proposta da coleção interessante, embora muita coisa tivesse cara demais de passarela. Já eu, pelo menos vendo assim por foto, sinceramente não me apaixonei por quase nada (no desfile da Just Cavalli não amei tu-do, mas quis muito algumas peças).

Achei uma profusão de pele, que eu na boa acho até meio cafona, sabem? Sei lá, muito atitude bling bling pro meu gosto. Escolhi o que gostei um pouco mais no Style.com:

desfile fendi outono inverno 2014

Tudo menos as aplicações em pele. E foi difícil achar alguma coisa no desfile que não usasse o material: dá pra ver? Não tava só nos casacos e detalhes das roupas, tava nos acessórios também. Sapato, bolsa, e até no óculos. Sem falar do mohawk das modelos.

fendi winter 2013

Na paleta invernal, toques de pink e azul klein principalmente, algum laranja.

Pra mim a maioria das modelos tava parecendo o Elmo, ou então parecendo que tava carregando o Elmo na bolsa (vocês sabem, aquele personagem dos Muppets).

A beleza trouxe um pouco de punk vampiresco de boutique no cabelo e no batom vinho (Chanel Rouge Allure Velvet, cor La Provocante – lindooooo!):

fendi beauty 2013

Sobrancelha bem marcada, e só. Gostei, simples, usável.

Fiquei doida nesse batom da Chanel, mas né. Não! 😉



3 comentários
22/02
2013
@Milão: desfile Just Cavalli
Categoria(s) #Itália, Moda
Ana Farias

A Sheyla Montella, essa pessoa linda que mora em Milão (e que conheci quando estive na Itália – pena que não aconteceu no início da viagem, pra eu ter companhia pra bater perna despreocupadamente pela cidade!), está cobrindo alguns desfiles da badalada semana de moda e me mandou alguns pitacos pra contar pra vocês.

just cavalli

Marinheira de primeira viagem, ela teve as mesmas dificuldades que eu: os desfiles foram feitos para serem fotografados por máquinas profissionais, na luz da área na qual eles ficam aglomerados. Quando ele começa tá muito escuro, e quando as modelos entram é tanta luz que dá um clarão na imagem.

Além disso, as danadas passam muito rápido (o desfile dura pouco mais de 10 minutos!), e faz aquela imagem em movimento, sem definição. Por isso peguei umas imagens no FFW e da Vogue Paris pra ilustrar o post, com peças que gostei mais:

just cavalli outono inverno 2014

Com a palavra, Sheyla, no desfile de Outono-Inverno 2014 da Just Cavalli:

A Just Cavalli, pra mim, arrasou! Coleção lindona, super usável nas ruas. Muito must have, sabem?

O ambiente do desfile era simples, bem simples até, mas o desfile foi um luxo! Apagaram as luzes e acenderam só uma linha vermelha na passarela; depois, telas de led nas laterais passavam imagens de fogo, como se a reta estivesse em chamas. Muito bacana!

No meio do desfile, uma manifestante com um cartaz subiu na passarela e atrapalhou as modelos, mas foi tirada de lá tão rápido que eu nem entendi sobre o que era o protesto.

(nota da Ana: olhando as fotos suspeito que tenha sido por causa do uso de peles. Não entendo COMO alguém pode usar pele diante de tanta informação sobre o sofrimento pelo qual passam os pobres animais, e num momento onde a indústria dá tanta opção de imitação boa e bonita pros designers e suas clientes).

just cavalli out inv 2014

Muita animal print, muita inspiração na China, e muito vestido curtérrimo, mesmo para o inverno.

Tô apaixonada por essa ankle boot da montagem que NUNCA será minha, azul mara com um salto vermelho em forma de tubo (que estava em todos os sapatos da coleção)

As modelos estavam um luxo com esse cabelo armado, ondulado setentinha, e o meio rocker (preto borradinho esfumado no olho e batom cor de boca, só). Lindas demais, né?

Pra quem quiser assistir o desfile, tá no youtube, AQUI.



2 comentários
09/02
2013
Legging H&M Lana Del Rey
Categoria(s) #Inspirações, Moda
Ana Farias

Vi o post da Paulinha Bastos usando uma legging no Grandes Mulheres antes de sair de casa, e na mesma hora catei pra estrear a minha floral “impressionista” da H&M –  a coleção tinha como modelete a Lana Del Rey, e tava linda de morrer!

Dei a sorte de conseguir comprar as duas versões da estampa, mas a outra preferi trazer na versão social, que era mais cara, mas pelo menos não seriam duas peças iguais no armário, né?

Bom, não gostava de usar calça justa porque tenho as pernas muito grossas, e legging era só pra fazer ginástica e olhe lá – e, ainda assim, comprava modelos com a perna mais soltinha na panturrilha. Ainda mais por estar acima do peso, porque achava que só com batas e túnicas pra ficar legal, e isso diminui um bocado as opções de qualquer armário.

Hoje vejo assim: legging só fica bem com blusas mais soltinhas pra quem quer que seja, ponto. A não ser que você esteja indo pra ginástica, o combo calça colante + blusa colante tem uma chance muito grande de ficar vulgar. E a blusa não precisa ser largona, só de tampar parte da buzanfa o resultado já é bem melhor.

3

Pra estrear minha legging florida, escolhi uma blusa soltinha, com manga três quartos e parte de trás um pouco mais comprida. Também da H&M, o tecido é queeeente que mata, mas não resisti a esse roxo lindo!

Eu penso assim, claro que numa pessoa que tenha pernas esculpidas por deuses gregos tu-do vai ficar mais bonito. Mas se não é o meu caso, não vou ficar me martirizando e deixando de usar o que gosto. Mesmo sabendo que a peça evidencia os coxões e etc, me olhei no espelho e decidi que a blusa salvava no geral.

Pra alongar o quanto dava, peguei um saltinho usável (ou seja, que me permite ficar de pé por mais de quatro horas sem querer morrer) e com cor vibrante pra dar um ponto de cor.

2

Claro que numa criatura longilínea o visual seria mais aceitável para a patrulha da moda, mas vou contar pra vocês que adorei, me senti muito bem.

E tomei um cuidado extra: colocar uma blusinha segunda pele, já que a blusa é ligeiramente transparente e eu sabia que ia tirar foto. 😉 Dependendo de como o flash pega a gente, não fica legal.

Outra coisa que funciona pra alongar e disfarçar o forébis (e barriga pra quem tá cheinha) é colocar uma terceira peça (colete, blazer, camisa aberta…).

legging lana del rey h&m

Engraçado que, procurando looks com essa calça no google, acabei encontrando uma menina usando exatamente essa combinação! hahaha Minha gêmea AQUI – só acho que minha escolha nos pés foi beeeeeem melhor que a dela!



28 comentários


Página 1 de 1312345»