28/07
2010
A Equação Custo x Risco x Benefício (Parte 2)
Categoria(s) Colaboração, Compras Online (Manual)
Ana Farias

No último post, falei que comprar no exterior pela internet não é só uma questão de se encontrar o menor preço, mas também de ponderar sobre os problemas que podem acontecer ao se optar pela compra. Não se trata apenas de pensar em termos de custo x benefício, mas também de risco x benefício.

Hoje vou contar como encaro essas compras, e em quais situações assumo riscos. Mas ó, gente, esse post não é uma recomendação, estou apenas contando minhas venturas (e desventuras) net afora, ok? Se você faz o tipo ansiosa e se descabela esperando o pacotinho, fica a dica: faça o que eu digo, não faça o que eu faço. 😉

Minha Regra nº 1: Teoria do Whisky

Meu critério pra delimitar essas compras online é bem rigoroso. Tenho pavor de juros no cartão de crédito, então nunca me excedo. Fico com um olho nas novidades e outro na cifra do carrinho de compras. Chamo isso de Teoria do Whisky, conhecem? É uma metáfora (óbvio! rs) mas funciona assim: todo mês eu me programo separando o dinheiro do leite e o dinheiro do whisky. O do leite é o do essencial, do que eu preciso pra morar, comer, vestir, etc, sem passar perrengues. O do whisky é o excedente, aquilo que posso gastar sem ficar apertada no final do mês. Não importa se é R$30 ou R$300, mas pra dormir tranqüila só assumo riscos com o dinheiro do whisky.

Minha Regra nº 2: Vale a Pena Assumir os Riscos?

Às vezes vale. Na semana passada comentei sobre a dinâmica dos perfis conservador, moderado e arrojado de quem aplica na bolsa, e expliquei que nas compras internacionais pela internet a sistemática é parecida: quanto maior o risco, maior o ganho, e vice-versa.

E como eu, Renata, faço? Pondero sobre a equação custo x riscos x benefícios em cada caso.

Pra coisas bem baratinhas e pequenas, tipo esmalte, batom ou pincel, eu encarno o perfil arrojado e arrisco mesmo, pra turbinar o ganho. Peço o frete mais baratinho que tiver, mando o seguro às favas e seguro-na-mão-de-deus, no melhor esquema hoping for the best, but expecting the worst! Nunca me falhou (exceto no caso fatídico da máquina-portátil-fazedora-de-bainhas). Mas é uma aposta, percebem? São riscos que eu assumo para que o preço fique matador. Lembrando que só faço essas loucuras porque antes de qualquer coisa apliquei a Teoria do Whisky, que já é um contra-freio prévio.

Mas se for uma coisa mais cara, muda tudo. Incorporo imediatamente o perfil conservador, e me cerco até os dentes com as ferramentas de precaução. Afinal sou doida, mas não a ponto de rasgar dinheiro, né?!

Só que cada cabeça é uma sentença. Então se você faz o tipo conservador e não consegue dormir até que receba o pacote, use sempre o frete com rastreamento e contrate o seguro de transporte, mesmo que a compra seja pequena.

Minha Regra nº 3: Avaliando as Encomendas como um Todo

Como eu disse no post passado, segurança não cai do céu. Ou pagamos pra mitigar os riscos ou teremos que assumi-lo eventualmente. Mesmo no perfil conservador, o risco de ter algum problema está presente. Claro que é um risco bem menor, mas ainda é um risco.

E como eu faço?

Ao invés de me descabelar por causa de 1 (único) pacote, avalio essas encomendas como um todo: os brindes que recebi anteriormente, os descontos para as próximas compras, a diferença de preços com relação ao Brasil, a sorte quando não passa pela Receita e por aí vai. Em 95% dos casos, é um bom negócio, mesmo com a tributação (e olha que o Conrado não está perdoando um pacotinho meu, o danado!).

Entenderam meu raciocínio? Então ao invés de ficar lamentando aquele pacotinho que está demorando, eu procuro olhar o cenário global. E, no final das contas, o meu saldo é positivo, por isso continuo comprando lá de fora.

E vocês, como fazem?

Renata Kelly (colaboradora)



23 comentários
27/07
2010
Crème Divine L’Occitane
Categoria(s) Hidratação, Lançamento, Rosto
Ana Farias

No final do mês passado rolou um super lançamento na linha Immortelle, da L’Occitane, e nossas queridas colaboradoras Renata e Damaris, ambas moradoras da meca de Sampa, foram lá conferir.

A novidade é o Crème Divine, um antiidade (ou seja, pode ser usado a partir dos 25 anos) que foi lançado na Europa no começo do ano, e deve chegar às lojas brasileiras em agosto por R$255 (50 ml).

Sua fórmula contém dois ativos bem legais: o óleo essencial de Immortelle (essa flor amarelinha da foto acima, que tem um super poder cicatrizante) e o óleo essencial de Myrte (essa outra flor aqui). Segundo o fabricante, eles ajudam na produção de colágeno, e aumentam a micro-circulação da pele.

A testou, e achou o seguinte:

O Divine tem uma textura mais encorpada, mas é fácil de espalhar e é bem absorvido pela pele. Apesar de dever ser usado 2 vezes por dia, pro clima brasileiro ele talvez funcione melhor na rotina da noite. No dia seguinte a pele amanhece macia e lisinha.

O cheiro dele é uma delícia, um floral suave com um toque cítrico muito sutil, e o engraçado é que no pote não dá pra sentir tanto quanto ao aplicar na pele. Durante a aplicação o cheirinho aparece, mas fica quase imperceptível depois de alguns minutos.

Só senti falta de vir uma pá de aplicação na embalagem, porque não acho uma boa idéia colocar o dedo dentro do pote a cada aplicação. Além do que vai ficar difícil retirar o creme do fundo quando o creme estiver no final!

Pra quem não conhece, esta é a linha:

São vários produtos pro rosto, e o blog inteiro está de olho na espuma de limpeza (R$79, 150ml), que promete iluminar a pele durante a lavagem. Dizem que é efeito imediato. Será?

Ana e Renata Kelly



41 comentários
27/07
2010
Uia! Cobertura Base Fosca Ana Hickmann
Categoria(s) Unhas
Ana Farias

Demorou mas apareceu mais uma opção de cobertura fosca! Acabou de pintar por aqui a Base Fosca da linha Ana Hickmann:

Seca rapidinho e fica fosco fosquíssimo. Usá-la muito ei!

Vivi



Comente
27/07
2010
OPI Nicole: ainda não sei se gostei…
Categoria(s) Unhas
Ana Farias

E aí que a OPI acaba de lançar uma coleção inspirada no seriado ryco, Gossip Girl!

Para minha surpresa, pela primeira vez não tive uma convulsão instantânea reativa…

Achei tudo muito simplório*** em um primeiro olhar. Nicole by OPI não ornou com Serena, Blair e a alta NY.

Mas nada é definitivo, não é? Afinal, esticando bem os olhos vejo uns lampejos azuis e negros ali no fundo que podem acelerar meu coração se observados mais de perto. rs

Vivi

Claro que simplório considerando o seriado cheio de luxo e gramúr.
A título de info extra: Nicole é a linha popular da OPI.



13 comentários
27/07
2010
Te Encontro em Niterói
Categoria(s) Encontro com Leitoras
Ana Farias

Niteroienses e cariocas dispostas a cruzar a poça (e fazer uma pequena viagem), atenção:

Neste sábado agora, dia 31, vai ter uma baguncinha trendística aqui na região oceânica!

O encontro será na parte da manhã (termina às 14h!), no bairro de Itaipu. Darei todas as informações sobre como chegar por email (é fácil, e google maps ensina).

Quem tiver disponibilidade e quiser passar umas horas super legais comigo & cia, please, deixe comentário nesse post, dizendo nome e email, e também se mora no Rio, em Niterói, ou em São Gonçalo, ok?

A pauta tá super legal, e garanto que quem for vai se divertir horrores! 😉

beijocas

Ana



Comente


Página 412 de 687«408409410411412413414415416»