07/05
2013
Bohö Ourivesaria
Categoria(s) Acessórios, Evento
Ana Farias

Semana passada a Fabi Zambrano comemorou os três anos do blog Amiga Chic num local incrível: a Bohö Ourivesaria, comandada pelas sócias Ana Grynberg e Natalia Zimmerman na super chique (ou, como diriam as editoras da revista Glamour, “incensada”) rua Dias Ferreira, no Leblon.

O atelier fica num prédio baixo super charmoso, junto com outras marcas bacanas aqui do Rio, e possui um trabalho em metais incrível, artesanal e cliente friendly: algumas peças podem ser encomendadas em material diferente, outras podem ser combinadas com diferentes partes. Além disso, a própria cliente pode levar o ouro e/ou a pedra, e criar uma peça única junto com a designer.

Pro aniversário do Amiga Chic, elas fizeram um escapulário em prata (pode ser feito também em ouro branco, amarelo ou rosé) e pérola, que pode ser usado pra frente ou pra trás, e que traz os dizeres “Moda passa, estilo fica”, frase de Coco Chanel.

escapulário

Lindo, né?

Foi apenas uma das muitas peças pelas quais me apaixonei por lá. Os colares que podem ser combinados (abaixo, foto 6) e os cocktail rings (foto 3) são algo! A garra com pérola na mão da Fabi (foto 2) foi unanimidade no desejo da mulherada presente. Outra peça que deixou todo mundo que via babando foi o brinco usado pela Fabi no dia (foto 4), super delicado.

Uma coisa que curti muito foi o visual meio industrial da loja, e os detalhes de decoração (como o móbile de anéis na foto 1). Fora a simpatia das sócias. Tudo por lá me agradou!

boho ourivesaria

Na foto 5, a fofura do chocolate em forma de bolsa de oncinha da Beth Chocolates (nem vou falar dos brigadeiros da Alê, que causaram comoção no instagram! rs). Na foto 7, o meu colar preferido na loja. Na foto 8, eu e duas amigas queridas que só tenho encontrado na correria, Flávia Ferreira e Julia Morales.

A Bohö Ouviresaria fica no edifício Palm Beach, na Rua Dias Ferreira, 64/208, Leblon, Rio de Janeiro. Vocês podem ver mais das jóias no site e no facebook da loja.



2 comentários
05/05
2013
[Look do dia] Saia Mango, meu amor
Categoria(s) #Inspirações, Acessórios, Moda
Ana Farias

Acho que não existe nada melhor pro meu tipo de corpo (acima do peso com tronco maior que a perna) do que o sistema de três peças, com a terceira peça (colete, blazer, casaco, etc) aberta pra ajudar a alongar a silhueta.

O único cuidado que a gente precisa tomar é com a proporção: não pode ser curto demais, e principalmente volumoso. Se for ambos, melhor esquecer, porque aumenta ainda mais a área (isso vale pra quem tem tronco largo, seios volumosos…).

mango city shoes yellow mercatto o boticário

Esse colete jeans da Mercatto foi uma das melhores compras que já fiz! Custou barato, e mesmo não sendo material top dá pro gasto direitinho. Preciso de mais peças desse tipo, porque acabo usando ele muito. rs

Outra compra da qual nunca vou me arrepender é esse scarpin de zebra da City Shoes. Como se o bico arredondado e o salto baixo e largo não fossem suficientes, a palmilha especial é uma delícia. Dá pra usar o dia inteiro. Ele é de uma coleção antiga, mas fica a dica da linha confort dessa loja.

Camera 360

Essa saia lápis da Mango é um sonho relativamente fácil de se tirar do papel realizado. Sempre quis muito comprar algo da marca espanhola, e consegui no final do ano passado. Achei na promoção ainda por cima!

Ela tem tudo que eu gosto: é P&B, tem estampa (um pied de poule borrado), e tem aquele efeito ilusão de ótica (tromp l’œil) que muda um pouco o desenho do corpo, disfarçando áreas mais largas pra quem é gordinha, ou dando a impressão de curvas pra quem é mais reta.

mango city shoes yellow mercatto

Eu nem pensei em outro colar quando decidi usar a regata da Yellow. Achei legal brincar com o efeito da corrente com a estampa de colares. Fora que esse tipo de colar também dá uma ajuda pra alongar.

Nesse dia eu tava indo “passar a tarde” no spa Maria Bonita (depois explico as aspas), e optei por não lavar o cabelo antes de ir pra lá (já saí com o cabelo pingando a óleo corporal de um outro spa). Por isso que ele tá esquisitinho na foto. Mas odeio ficar procurando defeito e dando desculpa por não ser perfeita? rs Relevem! 😉

Ah, o esmalte da Blant tá perfeitinho na unha até hoje!



14 comentários
01/05
2013
Necessidades básicas
Categoria(s) Acessórios, Banho, Casa, Desodorante, MakeUp, Mãos, Pés
Ana Farias

Sem título

Outro dia recebi um kit da Contouré (1) todo caprichadinho, com um porta retratos magnético e uma mensagem tão gostosa que até olhei com mais carinho. É que realmente não gosto de desodorantes desse tipo, spray e com fragrância muito marcante, então seria algo que eu nem experimentaria normalmente. Mas pela fofura do kit (admito, quando a gente vê um cuidado no presskit acaba dando atenção especial) lá fui eu.

Usei as quatro fragrâncias durante alguns dias. Apesar de não ser minha praia subacks com perfume, e da praticidade zero do spray (o líquido viaja pra tooodoo lado, né?), aprovei a eficácia (budum zero durante mais de 15h), e a duração (banho de tarde, ainda sentia o cheiro do desodorante na manhã do dia seguinte). São quatro na linha: Amor da minha vida (floral musk com jasmim e flor de laranjeira), Primeiro amor (cedro, frutas cítricas e menta), Suave Lembrança (lavanda, eucalipto e alecrim), e Minhas Memórias (âmbar, sândalo e baunilha). Cada um custa R$2,30.

Os Lenços Demaquilantes Eco Make Up Remover, da Océane (3) vieram de brinde numa revista do mês passado, acho que a Elle. Ecofriendly (fibras 100% biodegradáveis, livres de parabeno e conservantes), e sem perfume, eles vêm numa embalagem com 20 unidades, ao custo de R$10. Esses lenços quebram o maior galho na madrugada, né? Pena que não tiram rímel à prova d’água. Mas limpam direitinho o rosto, tiram direitinho sombra, base, batom.

esse

Experimentei esses cremes da Mahogany pra pés e mãos da linha Feeling Well with Roses (4), e gostei bastante. Principalmente do creme pros pés, que tem mentol na fórmula e um cheirinho super refrescante. Também deixa a pele com um toque seco, bem legal pra aplicar antes de sair de casa. O das mãos é um pouco mais cremoso, e tem a fragrância de rosas mais forte. O creme para as mãos contém complexo de cálcio e queratina (fortalece as unhas), óleo de amêndoa doce e extrato de rosas vermelhas, vem com 75g e custa R$24. O creme para os pés tem ação desodorante e refrescante, vem em embalagem com 120g, e custa R$28.

O kit de aplicadores de maquiagem descartáveis da Klass Vough veio num kit que a Loosho me enviou, e foi a primeira coisa que já fui abrindo! Não achei pra vender no site, mas deve ser comercializado (a marca vende sacos com 50 unidades de cada aplicador, pra maquiadores profissionais).

Gosto muito desses aplicadores, são super úteis! A esponjinha de sombra esfuma lápis (gosto de usar pra esfumar lápis iluminador no arco da sobrancelha, e pra aplicar iluminador no canto interno), a esponja pra aplicar gloss é ótima pra contornar a boca com batons mais complicados (vermelhos, vinhos, etc), o aplicador de rímel é bom ter pra tirar grumos (ou emprestar o produto pra amiga), a esponja queijinho é perfeita pra região dos olhos (tanto pra aplicar corretivo e base, quanto pra limpar a sombra que sobra no canto externo). E ainda tem o apontador duplo que a gente sempre precisa. 😉

sabonetes artesanais

Pra terminar, ganhei esse kit (2) de sabonetes artesanais de minha amiga Ana Quevedo. Ela já tem um catálogo bem grande de produtos, e alguns ela nem consegue levar pro site, já disponibiliza tudo na venda direta mesmo!

O que mais gostei de tudo foi do spray de ambiente, que ela agora cria personalizado (ao custo de R$60). No meu kit veio um pequenininho, e já disse que quando acabar vou encomendar um grande. O cheiro que ela criou pro meu quarto é fresco e delicado – quero usar como perfume, posso? rs

O sachê também é demais! Quero vários pro armário. A Ana vende os produtos no site Perfume e Poesia, e tá criando uma novidade bem bacana e safadjeeenha pro dia dos namorados. 😉



4 comentários
20/04
2013
Mais novidades da Imporium
Categoria(s) Acessórios, Moda
Ana Farias

Pronto, escondam meus cartões de crédito, acabem com meu acesso à minha conta bancária, porque me viciei de uma vez por todas na Imporium, e tá difícil passar por lá e sair de mãos vazias…

Fui almoçar com uma amiga (oi, Lu!) outro dia, e enquanto esperava ela chegar entrei pra experimentar uma sapatilha preta com tachinhas que tinha visto no dia que comprei a vermelha com recorte western (as duas abaixo). Acabei apaixonada pelas versões de ambas em azul royal, que é a cor que tem pro inverno…

Imporium 4

Ainda falando de sapatilha de bico fino, e essas duas, que coisas lindas? Preferi não experimentar pra não me confundir, porque nessas horas a gente precisa de foco, né? Então foquei no que fui fazer: experimentar (e gostando) comprar a sapatilha preta. 😉

Mas o DDA me obrigou a fazer mais um pequeno rombo no orçamento, e me perdoei porque afinal meu aniversário já é sábado que vem e eu mereço (e daí que tô me dando presente desde o mês passado?)… então comprei também um Valentino inspired. Mas juro que vou parar por aí, já é muito sapato pra pouco pé.

Imporium 1

O que mais tô gostando na Imporium é que de todas as lojas que gosto e costumo comprar, é a que está com os preços mais acessíveis, mais próximos do pé no chão. O mais caro que vi (mas não chequei o preço das botas) foi esse acima, por R$330 – que eu pessoalmente acho caro pra um sapato, mas tô considerando que é um modelo luxuoso e que quase tudo na loja custa bem menos do que isso.

Pra quem curtiu as tachas, mas não o ladylike dos modelos acima, olhem só essas belezas com pegada rocker:

Imporium 2

Legal que tem muita opção com todo tipo de altura e estilo de salto, né?

Acho que cheguei a falar disso no outro post, mas é legal frisar: quem não gosta desses saltos altíssimos vai ser sempre bem vinda por lá, porque tem sempre um saltinho médio quadrado à disposição. Não tem beleza que compre meu conforto hoje em dia, viu. Salto altão pra mim é igual o Ryan Gosling, ultra mega hot, mas pra mim infelizmente só serve pra se olhar babando de longe.

Tô mais pras rasteirinhas, e por incrível que pareça encontrei um slipper que não me machucou!

Imporium 3

Foi esse de dálmata (experimentei o de onça), coisa mais rica e fofa da face da Terra. E, apesar do tema, não é “fofo” a ponto de ser adolescente. Pra quem curte o estilo, como eu, fica lindo no pé.

E terminando com dálmatas ainda, essa sapatilha com caveiras é tudo o que eu quero de presente de aniversário. Mas não vou na loja, não, senão acabo me auto presenteando de novo! rs

ps: pra quem faz cadastro na loja, em mês de aniversário tem 10% de desconto.



18 comentários
11/04
2013
Tintura Wella Professionals Illumina Color 7/43
Categoria(s) #Niterói, Acessórios, Cabelos, Coloração
Ana Farias

Adoro as tinturas da Wella Professionals! Quando compro a tintura em perfumarias, geralmente é a Color Touch ou Color Perfect, e meu problema atualmente tem sido encontrar a tonalidade que preciso. Não sei o que acontece com os salões que o ruivo alaranjado é um trem difícil de se ter disponível, e em farmácia só encontro os kits caseiros. Acho que as ruivas tem um fogo por DIY! rs

Ontem fui convidada pra experimentar outra linha da Wella, a Illumina Color no Espaço Juliana Paes, aquela delicinha de salão que vira e mexe falo por aqui. Tava passando da hora de dar um trato depois daquele desastre caseiro que falei pra vocês…

A Illumina Color é a coloração permanente premium da Wella: sua tecnologia promete proteger as cutículas, mantendo sua claridade e permitindo que a luz passe por elas, iluminando as nuances internas naturais do fio. Com isso a gente ganha muito mais brilho, que é o que a consumidora brasileira mais exige em termos de coloração.

wella illumina color

Ele desamarela os loiros, deixa o cabelo sedoso, e dura de 20 a 30 dias. A expectativa com os ruivos (e por experiência é isso mesmo), a cor dura bem durante uns 20 dias no máximo.

Meu único problema foi com a cartela de cores: as opções deixam ainda a desejar em quantidade. São vinte no total, incluindo os tons puros, frios e quentes.

IMG_1600

Todos os tons são bem lindos, mas como não estava loira não poderia usar nenhuma das tonalidades, e como não queria escurecer meu cabelo, a única possibilidade na linha era a 7/43. Era o mais próximo do que eu queria, e dei sorte que tinha dela no salão. :)

Ela avermelhou um pouco mais do que eu planejava de início (amo o tom mais acobreado), mas fiquei completamente apaixonada pelo resultado.

Relevem a cara gripada e make up free, porfa.

0

Ficou perfeito, né? O brilho, gente! Só tá precisando de um corte, dá pra ver como tá pesando? Mas decidi deixar crescer um pouco mais pra ver até onde aguento. Cabelo assim sem volume e longo não combina comigo, mas acho que a gente tem que experimentar de (quase) tudo uma vez na vida. 😉

Quem fez o trabalho de coloração foi a Sonia Gomes Débora Gomes (gente, não sei de onde tirei Sonia, já que ela é xará de uma amigona minha) que também tava mega gripada, tadinha! rs Ela foi super simpática e conversou bastante comigo até a gente fechar no tom – explicou tintim por tintim o que as outras cores fariam comigo, super paciente. O resultado foi uma cliente mega feliz, com fios macios, brilhosos, homogêneos, bem escovados, cheirosos, e elogiados salão afora. 😉

Ela também tirou uma dúvida boba que eu tinha há muito tempo: a gente sempre ouve falar que tinta não clareia cabelo, mas já aconteceu de eu pintar com tonalidades mais claras e pegar. Se clareava meu cabelo, porque os profissionais dizem que não clareia? É que o que a tintura mais clara faz é revelar de um a dois tons mais claros que o seu fio já apresente naturalmente.

2013-04-10 14.02-horz

Momento narciso na frente do espelho pra mostrar duas coisas: sempre que mostro esse óculos (1) alguém fala de como ele é bonito, e vamos combinar: lindo, né? Pra quem gosta desse modelo “gordo” levemente gatinho, a dica é ficar de olho no display da Chilli Beans. Tenho visto sempre alguma versão dele (comprei depois que vi o de uma prima, mas gosto mais ainda do dela: armação chocolate com creme por dentro – a minha é uva com pernas laranja transparente, um detalhe que acho que empobrece um pouco o óculos).

Outra coisa é essa pulseira (2) que eu tava apaixonada desde que ganhei da Marcia Stein no ano passado num evento. Ela é do designer italiano (e gato) Fabrizzio Giannone. Me apaixonei perdidamente! Hoje tô usando o colar da mesma coleção, depois mostro. Um sonho.

O salão da Ju Paes fica na Rua Gavião Peixoto, 144 (21 2610 6203), e o Espaço tem filiais na Barra, em Angra e em Volta Redonda.



27 comentários


Página 4 de 37«12345678»